quarta-feira, agosto 10, 2005


PEEP SHOW FROM HELL

Sim! Sin City!Um filme dirigido por Robert Rodriguez baseado nos quadrinhos do Frank Miller? Esse eu tinha que ver.

Robert Rodriguez surgiu nos anos 90 com “El Mariachi”, uma pequena obra-prima de ação filmada num esquema amador numa cidade do México, que contava a história de um violeiro (mariachi) que era confundido c/ um matador, o “Azul”. Reza a lenda que para levantar grana p/ o celulóide, Rodrigues vendeu seu sangue e submeteu-se como cobaia em experiências. Em seguida, fez “A Balada do Pistoleiro”, “Um Drink no Inferno” e a série "Pequenos Espiões" (onde revela seu lado família com muito talento), tornou-se amigo de Quentin Tarantino, p/ quem compôs a trilha sonora de “Kill Bill: vol.2” – Tarantino retribuiu o favor dirigindo um dos episódios de “Sin City”. Além disso, o cara edita os próprios filmes. Foda.

Frank Miller é um dos caras mais sinistros dos quadrinhos. Sozinho, ele reformulou a indústria americana dos gibis de super-heróis, primeiro levando um personagem de segunda, o Demolidor, p/ o topo das vendas no início dos anos 80. Em seguida, fez as séries “Cavaleiro das Trevas” e “Ronin”, que criaram o conceito de “graphic novel” e lhe renderam convites p/ o cinema. A revolução de Miller foi tornar adulto um gênero infantilóide e alienante, criando personagens feios e mal-intencionados, em cidades sujas e decadentes. Além disso, o cara desenha muito e tem um estilo inconfundível.

Em 1991, lançou a série “Sin City”, onde evidenciava seu estilo e ia além, estourando suas cenas c/ contrastes preto&branco. Após experiências fracassadas em Hollywood na década de 90, Miller se recusou a vender os direitos de adaptação para o cinema de quaisquer de seus trabalhos nos quadrinhos. Robert Rodriguez, que era um grande fã de "Sin City", rodou por conta própria um curta-metragem baseado em uma das histórias da série, como tentativa de convencê-lo a autorizar o projeto. Conseguiu.

Ao apresentar o curta a Frank, Rodriguez disse que caso ele gostasse do material esta seria a cena de abertura do longa-metragem. Caso não gostasse, Miller poderia usá-lo para mostrar aos amigos, como uma brincadeira com seus personagens. Miller aprovou o material e, desta forma, o filme foi autorizado.

Robert Rodriguez considerava o estilo visual de Frank Miller tão importante para Sin City que fez questão que Miller recebesse o crédito de "co-diretor" no longa-metragem. Como o Director's Guild of America não permite a existência desta função, Rodriguez decidiu por se desligar do sindicato. Por causa desta decisão o diretor foi obrigado a abdicar de outro longa-metragem, “John Carter of Mars”, que rodaria para a Paramount logo após a conclusão de Sin City.

Sin City é baseado nas histórias"The Hard Good-Bye", "The Big Fat Kill" e "That Yellow Bastard", todas publicadas em graphic novel. As próprias revistas serviram como story board. O filme conta algumas histórias underground de Basin City, cidade sem Deus e sem Lei, onde os heróis vivem à margem e as putas mantém a paz nas ruas de armas em punho. São duas horas de tiros, explosões, canibalismo, mutilações, caras feios e mulheres bonitas,tudo sob uma puta direção de arte, c/ destaque p/ a fotografia, que se empenhou ao máximo em captar o clima dos gibis.

Sim, mulheres bonitas, eu disse. Por causa delas as coisas acontecem o tempo todo. Já na parte dos caras feiosos o destaque vai para Mickey Rourke no papel de Marv, o cabuloso que segue numa vingança pessoal contra a máfia que matou sua puta favorita. Rosário Dawson também arrebenta como a justiceira Gail, mas quem quebra tudo mesmo é um anjinho chamado Jessica Alba, a stripper Nancy. Dizem que ela visitou alguns peep shows p/ pesquisar sua personagem, e que queria que fosse contratado um coreógrafo para ajudá-la em suas cenas de dança. Robert Rodriguez insistiu que não era necessário e que bastava que ela sentisse a música e dançasse da maneira que quisesse. Mais uma vez, ele estava certo.

Jessica ainda interpreta a Mulher-Invisível no filme do Quarteto Fantástico. De adaptação de quadrinhos pro cinema, por enquanto tá bom pra mim. Estou esperando pela versão de “Ranxerox”, parece que o Benicio Del Toro está cotado p/ fazer o papel do Ran. Legal. Tomara que o diretor seja algum italiano fã de Liberatore e Sérgio Leone. Mas, convenhamos, a Jéssica Alba Mulher-Invisível?! Sem chance!

3 comentários:

Previsao do Surf disse...

Site de previsao de ondas waves [url]www.previsaodosurf.com.br[/url]
Terraplenagem Barreto abc [url]www.barretoabc.com.br[/url]
Casa de massagem [url]www.clinicavip.com.br[/url]

Terraplenagem disse...

Site de previsao de ondas waves [url]www.previsaodosurf.com.br[/url]
Terraplenagem Barreto abc [url]www.barretoabc.com.br[/url]
Casa de massagem [url]www.clinicavip.com.br[/url]

Clinica de Massagem disse...

Site de previsao de ondas waves [url]www.previsaodosurf.com.br[/url]
Terraplenagem Barreto abc [url]www.barretoabc.com.br[/url]
Casa de massagem [url]www.clinicavip.com.br[/url]