quinta-feira, julho 13, 2006

CRUZ-CREDO
Uma peça plástica c/ formato de cruz vem assustando os donos das motos CG 150 Titan. Segundo um relato divulgado na Internet, um engenheiro da Honda fez um pacto c/ o diabo p/ que o novo modelo da CG fosse um sucesso de vendas. Em troca, instalou uma cruz invertida dentro do farol da moto. Arrependido do acordo, o projetista teria caído doente e alertado aos compradores desse modelo p/ retirarem o adereço de suas máquinas.
A Honda enviou um comunicado aos concessionários informando
que a tal cruz na verdade é uma peça chamada Clamp H 25, cuja finalidade seria “proteger e posicionar os cabos dentro do farol (...) reduzindo assim danos ou desgastes causados pela vibração decorrentes da utilização da motocicleta”, e que a retirada da peça quebraria o contrato de garantia.
Meu irmão Lú, que trocou recentemente uma Yamaha RDZ por uma CG 150, não acredita na versão oficial da empresa: “Do jeito que a peça estava instalada, não desempenhava função prática nenhuma no farol. Não quero nem saber, a minha eu tirei!” Lú já foi mecânico, motoboy e piloto de trilha – sabe do que está falando. “A maldição pra mim acabou”, afirma o açougueiro Sebastião, que escapou de dois acidentes recentemente: “Em um deles, quase entrei de frente em uma carreta. Quando vi a cruz, fiquei todo arrepiado. Só não vendi a moto porque ela foi financiada e ainda faltam várias prestações.”A cruz da CG já se tornou o assunto favorito do momento em mesas de bares e rodas de motoqueiros, e a corrida às oficinas para retirá-la virou um fenômeno nacional. O preço do serviço está variando de R$ 5,00 a 20,00. Bosco, o mecânico que consertou minha moto após meu acidente, ano passado, confirma: “Já tirei 5 cruzes. Eu acredito. E já ouvi dizer que na câmara de ar do pneu dessa CG nova tem o nome Lúcifer escrito em alto-relevo...”
O pneu da CG é fabricado
pela Pirelli, e o nome do modelo de fato é City Demon.
Segundo comunicado da empresa, “Demon é uma palavra do idioma inglês que também pode significar pessoa muito habilidosa em alguma atividade. O nome do produto não está associado a qualquer manifestação religiosa. Trata-se apenas de uma força de expressão para ressaltar as condições difíceis que este produto enfrenta.” Vale citar que os pneus da Yamaha Fazer 250, fabricados pela mesma companhia, chamam-se Sport Demon.O nome ou a foto desse suposto engenheiro satanista jamais vieram à tona. “Em 35 anos de Brasil nunca vimos um absurdo tão grande”, diz a assessoria da Honda. A empresa não descarta a possibilidade de alterar o desenho da peça p/ evitar maiores problemas. Em maio, as vendas da CG 150 Titan atingiram 38,5 mil unidades, o melhor resultado mensal da Honda no ano.

Um comentário:

Bebê de Rosemary disse...

Vou comprar uma pra mim!