segunda-feira, abril 26, 2010

GALHARDIA Falando em arte gonzo e revista de mulher nua, dei de cara c/ este cartum publicado na Folha de S.Paulo, ilustração de uma matéria “sobre projeto de um deputado que quer criar uma espécie de Las Vegas em Garanhuns”, diz Caco Galhardo, autor da charge – “uma versão Hunter Thompson do agreste”.
Caco é conhecido pela série Os Pescoçudos, publicada há mais de 10 anos na Folha. A sessão de tiras da Folha é o ‘horário nobre’ do cartum nacional – não há vitrine nem emprego melhor nesse ramo. Dela fazem parte Angeli, Laerte, Adão, Allan Sieber, Fernando Gonsales e até pouco tempo Glauco.
Galhardo tem sua galeria de personagens, como Chico Bacon, Lili Ex e Julio & Gina, que se alternam no jornal; foi redator da Mtv e do Casseta & Planeta; e já publicou alguns livros: Crésh!, Diga-Me Com Que Carro Andas e Eu Te Direi Quem És, You Have Been Disconnected... Suas publicações mais conhecidas são a versão em quadrinhos de Dom Quixote e O Banquete - As Gostosas de Caco Galhardo, parceria c/ o escritor Marcelo Mirisola c/ 33 ilustrações de mulheres.
São negras, orientais, morenas, brancas como a neve - em pleno calor -, ruivas, loiras, curvilíneas e algumas com linhas menos acintosas. Têm cabelos crespos, lisos, ondulados, curtos, longos, e usam ou não usam maquiagem e essa diferença, sem que possamos explicar, as melhora. Estão sempre sozinhas (exceção para uma dupla, numa praia), a maioria cruelmente distraída”, dizia a crítica apaixonada do Jornal do Brasil.
Caco Galhardo entende do riscado. Seu traçado das formas femininas lhe valeu a 'Tríplice Coroa do Cartum': além de ter livros publicados e fazer parte do cast da Folha, ele também é colaborador da Sexy. Revistas masculinas são outro ápice p/ um cartunista – que o diga meu amigo Allan, que entrou na seleção internacional do livro O Humor da Playboy – e a Sexy é uma das mais generosas nesse sentido. Por ela já passaram Adão, Zé Dassilva, Arnaldo Branco, Leonardo, e até uma garota, a Chiquinha...
Em fevereiro, Caco estreou uma nova série na Sexy, c/ o singelo título “Eu Moro em Uma Xana Peluda – a Saga de Um Homem em Uma Terra de Bravos”, um western vaginal. Reproduzo aqui os 2 primeiros episódios [clique nas HQs p/ lê-las ampliadas]. O 3º capítulo da série está nas bancas, na edição que traz na capa Dieine Eider, dona de um belo sorriso. “Cada capítulo é uma página, que vou desenhando a cada mês”, diz Galhardo: “E quem não curte quadrinhos, ainda pode se contentar com o resto da revista.

Um comentário:

Otavio Mazza (Tatá) disse...

Muito bom o seu blog, Adolfo!

Posts de ótima qualidade.

Parabéns e um abraço,

Otavio Mazza (Tatá)