segunda-feira, junho 06, 2011

COMETA

O pernambucano Halley Batista venceu o Maresia Surf Pro Nordeste no Havaizinho. “Estou muito feliz com esse resultado, não é fácil chegar à final e nem vencer atletas tão bons. Faz tempo que estou aí na guerra e vou continuar me esforçando para conquistar bons resultados, o segredo é treinar e treinar, nunca desistir. Agradeço a Deus por estar aqui!

Nascido em 1986, ano do cometa, Halley surgiu na cena do surf nacional ao fazer a final do Reef Pro-Jr. contra o cearense Martins Bernardo, no Rio de Janeiro. Disputou o mundial sub-20 na Austrália e há 5 anos compete como profissional. É o ‘Rei de Maracaípe’, apelido que ganhou após vencer por 2 anos seguidos a etapa do circuito nordestino na praia em que surfa todo dia, localizada em Porto de Galinhas. Conhecido por seus aéreos e rabetadas na pranchinha, também tem competido no pranchão e já conseguiu algumas vitórias, a maior delas no Pena International Longboard Classic, quando venceu o campeão brasileiro Carlos Bahia e o campeão sulamericano Rodrigo Sphaier nas ondas de Maraca.

Ontem, ele derrotou na final seu amigo Alan Donato, o vicecampeão brasileiro Alan Jhones [assim mesmo, c/ ‘h’] e Emerson Piai, do Guarujá. “Piai, que por duas vezes (nas quartas e semis) arriscou tudo e saiu do mar aplaudido depois de conseguir virar nos minutos finais para saltar da 4ª para a 1ª colocação, não conseguiu se achar na final”, reportou Leonardo Menezes em seu site Ondulação. “Ainda pegou algumas ondas, mas nenhuma com expressão o bastante para lhe render a vitória. O paulista saiu de Aracaju com o troféu de 3º colocado e $3.600 reais a mais em sua conta bancária.” Trocando em miúdos...

Este ano teve até paulista na final em Aracaju – mas os surfistas locais mais uma vez ficaram longe da decisão. Os melhores classificados foram Romeu Cruz em 9º e Daniel Silva em 13º. Ambos passaram 3 fases. Romeu, aos 38 anos, venceu todas as suas baterias e despachou atletas c/ idade p/ ser seus filhos, como o cearense Charlie Brown e o baiano Marco Fernandez. Perdeu por pouco p/ Donato e Bruno Galini, atual campeão nordestino. Daniel passou por caras como Kaya Souza de Fernando de Noronha, Bruno Rodrigues de Pernambuco e o ex-campeão brasileiro amador Adilton Mariano, até ser barrado nas quartas-de-final por Alan Jhones e Pablo Paulino.

Bicampeão mundial jr. em 2005/08 e campeão sulamericano 2009, Pablo voltou a morar no Ceará e venceu a etapa de Noronha no início do ano. “Ele chegou a Aracaju com sede de vitória”, diz Léo, “soltou o surf e com muita radicalidade foi até a penúltima fase da competição, mas não foi feliz na escolha de ondas e não respondeu à altura dos seus adversários, ficando com a 7ª colocação no evento.” Paulino perdeu p/ Halley e Jhones, os dois que decidiriam a etapa – como conta Léo Menezes, que entre 2009 e 2010 passou meses percorrendo a região fazendo imagens p/ seu vídeo 3D5 e conhece bem as características do surf de cada um:

Halley Batista e Alan Jhones protagonizaram o show maior na grande final. O campeão nordestino de 2009 e atual vice nacional já abriu a disputa levantando o público na praia com um aéreo estiloso em que aterrissou na base. Cravou 8.33 e saiu na frente na corrida pelo título da etapa, mas acabou ultrapassado pelo cometa pernambucano. Halley encontrou uma onda muito boa e soube aproveitá-la, andou por toda sua extensão, soltou batidas fortes no crítico, conseguindo lincar uma manobra à outra com fluidez, para fechar com chave-de-ouro e carimbar a maior nota do evento, 9.10, finalizou com um aéreo reverse com muita projeção. Jhones ainda fez nota 5.50, mas Halley, que já tinha 6.50 em sua primeira, saiu do mar direto para a comemoração com os amigos e em seguida para o lugar mais alto do pódio.

RESULTADOS
1º Halley Batista [PE]
2º Alan Jhones [RN]
3º Emerson Piai [SP]
4º Alan Donato [PE]
5º Bruno Galini [BA]
5º Rudá Carvalho [BA]
7º Pablo Paulino [CE]
7º Ulisses Meira [PB]
9º Romeu Cruz [SE]
13º Daniel Silva [SE]
OS FINALISTAS: DONATO, HALLEY, PIAI E JHONES
ROMEU, O MELHOR SERGIPANO NA COMPETIÇÃO
ACIMA E ABAIXO, HAVAIZINHO NO DOMINGO



fotos: Maresia [exceto pela foto de abertura, de Sidnei Machado]

Nenhum comentário: